top of page
Buscar
  • Jornal

No Enem 2023, veja 5 erros que você não pode cometer na hora da inscrição


Não é só na hora da prova que você precisa ficar atento. Ao se inscrever para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2023, até 16 de junho, é preciso ler as instruções com cuidado (ninguém quer escolher a cidade errada e ter de viajar no dia do teste, certo?). Veja abaixo erros que devem ser evitados:


1- Deixar de fazer a inscrição porque já está isento da taxa

Todo ano, estudantes da rede pública ou pessoas em vulnerabilidade socioeconômica (entre outros grupos) podem pedir a isenção da taxa de inscrição do Enem. Para a edição de 2023, o Inep divulgou os resultados dessas solicitações em 8 de maio. Se você conseguiu o benefício, não precisará pagar os R$ 85 para participar do Enem, mas terá de se inscrever da mesma forma. A isenção não garante sua participação!


2- Informar e-mail e celular errados

É importante preencher os campos de telefone e e-mail corretamente, para receber todos os avisos do Inep referentes ao exame. No edital, o órgão diz que não se responsabiliza pelo envio de informações a terceiros (quando, sem querer, você dá o contato que pertence a outra pessoa).


3- Informar o município de nascença, em vez de dizer o lugar onde fará a prova

Em certa etapa da inscrição, o Inep pergunta em que município você deseja prestar o Enem. Fique atento para não confundir com sua cidade natal. Já pensou se alguém nascido em Porto Alegre, mas residente em Fortaleza, faz essa confusão? Vai acabar tendo de viajar no dia da prova...


Se você cometeu esse erro, ainda dá para editar a informação na Página do Participante até 16 de junho, às 23h59.

4- Perder o prazo de pagamento da taxa

Seja qual for a forma de pagamento escolhida por você (PIX, boleto ou cartão de crédito), o prazo final é 21 de junho. Segundo o edital, mesmo que seja feriado em algum município e as instituições bancárias estejam fechadas, não haverá prorrogação da data.


5- Errar a língua estrangeira escolhida

Na prova de Linguagens, das 45 questões, 5 são na língua estrangeira escolhida pelo candidato na inscrição (inglês ou espanhol). Por isso, fique atento ao preencher essa etapa do formulário — não dá para alterá-la depois.


fonte: g1/ms(globo)

9 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page